ONZE DE AGOSTO

ONZE DE AGOSTO

Dentre todos os atributos de um(a) advogado(a), o que mais se destaca é a coragem.

O(a) advogado(a) é, sobretudo, um(a) corajoso(a), e tem de expressar esta qualidade em todas as fases que integram o exercício da profissão.

É necessária muita coragem para, muitas vezes contrariamente às suas próprias convicções, suplicar justiça em nome de outro.

Para, mesmo não querendo e temendo germinar sentimento negativo contra si, dizer o que ninguém quer ouvir.

Para, num exercício quase impossível de empatia, compreender a todos: aquele que pleiteia, aquele em face de quem se pleiteia, aquele que acusa, aquele que julga, aquele que agride e aquele que é agredido.

Desejo, então, a todos(as) aqueles(as) que se dedicam a esta indispensável profissão, que jamais lhes falte CORAGEM!

No Comments Yet.

Leave a comment